Infografia. Ilustração. Desenho Editorial. Banda Desenhada

Páginas

04 fevereiro 2013

Fauves d’Angoulême


Festival International de la Bande Dessinée d'Angoulême. O álbum de banda desenhada ‘Quai d’Orsay - Chroniques Diplomatiques’, dos autores franceses Abel Lanzac e Christophe Blain, publicado pela Dargaud, acaba de conquistar o Fauve d'Or, prémio para o melhor álbum a concurso no festival Angoulême. O álbum ‘Le Nao de Brown’, do autor inglês Glyn Dillon, publicado pela Akileos, foi distinguido com o Fauve’Angoulême, prémio especial do júri.

A 40ª edição do festival Angoulême reuniu mais de 7 000 profissionais, 1 500 autores e 1 000 jornalistas. No âmbito do festival, o Palmarès Officiel dos prémios Fauve contemplou as melhores obras entre as seis dezenas a concurso, editadas em França em 2012.

Criado em 1974, o Festival d'Angoulême é o mais importante festival de banda desenhada europeu e realiza-se anualmente na vila francesa de Angoulême, na região de Poitou-Charentes. O festival inclui exposições temáticas, ateliers, espectáculos, projecções, encontros com autores, apresentação de álbuns, debates e conferências, para além da feira de banda desenhada com a presença de duas centenas de editoras expositoras.


Ver ‘Angoulême - Palmarès Officiel’, ‘Dargaud - Quai d’Orsay’ e ‘Akileos - Le Nao de Brown’.

Sem comentários: